AEPGA

 

Voluntariado AEPGA, uma oportunidade inesperada, por André Filipe

Um voluntário é, por norma, alguém que tem prazer em ajudar. Que dá sem esperar receber nada em troca. E talvez seja por essa entrega tão genuína que os voluntários que recebemos na AEPGA dizem, tantas vezes, voltar a casa mais ricos, depois de uma semana de Voluntaria-Te.

Hoje, partilhamos convosco as palavras do André, a quem muito agradecemos a generosidade e o envolvimento com que se entregou à sua missão de trabalhar em prol dos burros durante a semana de 6 a 10 de junho.
_______________________________________

Voluntariado AEPGA, uma oportunidade inesperada.

"Qualquer dia faço" era esta a ideia há algum tempo. Talvez em Novembro... Ups... ...todas as datas esgotadas! Quem sabe para o ano, ou qualquer dia faço...
De repente: "2 vagas para voluntariado a iniciar na próxima semana". Após pensar, ponderar e organizar, estava agarrada a oportunidade.
Que experiência incrível! Apesar de já conhecer o Centro, de saber para o que ia, era sair um pouco da minha zona de conforto, pessoas novas com quem ia partilhar a semana.

Fomos super bem recebidos, o grupo de voluntários foi fantástico e as pessoas da AEPGA foram incríveis connosco. É impossível não se gostar destes profissionais.

Faz-se de tudo um pouco, ajudar, alimentar, limpar, escovar, lavar, mimar, arrumar, consertar, passear. No fundo tudo tarefas simples que são uma maneira boa de ajudar a associação.

Não há como não sentir harmonia com tudo o que nos rodeia: o silêncio, a calma, as paisagens, as gentes, o nascer e o pôr do sol e, acima de tudo, é impossível não estar em harmonia com os anfitriões, os burros. Ah, os burros... vamos principalmente movidos para cuidar deles mas, no fundo, eles dão-nos mais a nós do que aquilo que recebem.

Se voltava a repetir? Era já hoje!

Voltei para casa de coração cheio, super grato pela oportunidade, pelas pessoas que conheci, pelo que aprendi, só tenho pena de ter passado tão rápido.

Obrigado a todos.
André Filipe